Alien - Covenant


Um meio termo entre Alien - O oitavo passageiro (1979) e Prometheus (2012), a sequência desse último é um bom híbrido - o que é até irônico, diga-se. Mantendo o mesmo clima de suspense do primeiro - e maravilhoso - longa, comete alguns tropeços bobos no caminho (como o seu predecessor), mas o resultado final é positivo. 

Criador e criatura: como "nasceu" David (Fassbender)

O filme começa com uma interessante sequência, onde criador (Guy Pearce) e criatura (o androide David, interpretado por Michael Fassbender) dialogam sobre a criação, a vida e tudo mais. Depois o filme começa de verdade. E aqui temos a nave colonizadora Covenant a caminho de um planeta com grande potencial para ser uma nova Terra. A bordo, sob os cuidados de Walter (Fassbender) - uma versão aprimorada de David - estão a tripulação da nave e 20 mil colonos, todos em hibernação. 




Ao chegarem ao misterioso novo planeta, com uma composição bem parecida com a da Terra, eles partem para explorar o lugar. Logo encontram a nave de onde partira o sinal, e descobrem se tratar da Prometheus, a nave em que a dra. Elisabeth Shaw (Noomi Rapace) havia partido para explorar o espaço. Porém alguns membros da equipe exploradora começaram e demonstrar os primeiros sinais de infecção por alguma coisa. Decidido a fugir do planeta o quanto antes, eles partem para o módulo de escape, mas o estrago já está feito. Enquanto esperam pela ajuda da Covenant no resgate dos sobreviventes, o grupo é novamente atacado por aliens - e seriam dizimados não fosse uma ajuda misteriosa.

Ainda sem saber se podiam confiar naquele salvador, precisam segui-lo. Ao chegarem na casa dele, descobrem sua identidade: ele é David, que havia sobrevivido ao desembarque naquele planeta - diferente da dra. Shaw. O misterioso David não parece nada confiável, e a equipe tem pressa em sair dali. E eles estão cobertos de razão.

Daniels (Waterston) e Oram (Crudp): duelo de liderança

Alien - Covenant tem em seu ponto forte manter o espírito intrigante do primeiro longa da série, e claro, no elenco principal. A escolha de Katherine Waterston (a Tina Goldenstein, de Animais Fantásticos e Onde Habitam) para o papel de Daniels é acertadíssima: a heroína improvável é forte e corajosa, embora não pareça; Fassbender dá o tom certo de personalidade robótica a dois diferentes androides (e a gente consegue distinguir quem é quem na tela), Crudup cria um capitão oscilante entre a responsabilidade e a fé bastante interessante. O alien em si está ainda mais interessante: quase humano e completamente bestial, supernojento e esperto até demais. Os fãs não devem se decepcionar. O que me irrita são os clichês.

Daniels (Waterston): ótima escolha para protagonista
A gente já sabe que a tripulação é grande para ir morrendo e deixar só os verdadeiros protagonistas vivos, mas né? Bem que podia haver uma variação na forma como eles são eliminados. Se o cara sai de perto do grupo, já sabemos que não vai sobreviver. Outra coisa que achei meio improvável é a equipe inteira ter ido explorar o planeta sem roupas especiais de proteção. Parecia que estavam indo, sei lá, pra um safári ao invés de irem explorar um planeta desconhecido. Mas ok, a gente deixa passar. 

O nascimento do alien: angustiante, como no primeiro longa

Há bons momentos de alívio cômico e muita homenagem ao longa original, o que torna o filme muito agradável - apesar de que, convenhamos, o tema não possa ser definido como relaxante. No fim, o resultado é megapositivo: Covenant fez juz à franquia a qual pertence, e deixa um intrigante gancho para sua sequência. Só nos resta esperar impacientes para ver o que vai acontecer.

0 comentários:

Meses temáticos!

Confira nosso catálogo de críticas e curiosidades completo, distribuído em listas e meses temáticos.

Lista de 2015 Lista de 2010
Meses temáticos
2014 2013 2012 2011
Trilogia Millenium Ficção-cientifica Pioneiros De Volta para o Futuro
Meryl Streep e o Oscar Broadway Brasileiros no Oscar Liz Taylor
Fantasias dos anos 80 Realeza Tarantino Filmes de "mulherzinha"
Pé na estrada Scorcese Chaplin Stephen King
Mês Mutante Off-Disney Filmes de guerra Noivas
Mês do Futebol Mês do Terror Agatha Christie Genny Kelly
Mês Depp+Burton Shakespeare HQs Harry Potter
Cinebiografias Pequenos Notáveis Divas Almodovar
Robin Williams Mês do Rock Woody Allen Remakes
Mês das Bruxas Alfred Hitchcock Rei Arthur Vampiros
Humor Britânico John Wayne John Hughes Elvis
Mês O Hobbit Contos de Fadas Apocalipse O Senhor dos Anéis

Especial do mês

Mulan

As definições do projeto para formar cinéfilas melhores foram atualizadas

Agora nos dedicamos a um filme por mês, sem deixar de lado as críticas dos lançamentos no cinema. Venha com a gente descobrir curiosidades dos nossos especiais e se atualizar das estreias nas telonas!

Receba por e-mail

Gêneros

Resenhas (769) Drama (235) Lançamentos (134) Ficção científica (109) Aventura (102) Comédia (76) Musical (52) Terror (47) Ação (45) Fantasia (36) Animação (29) Comédia romântica (24) Épico (24) Faroeste (22) Biografia (21) Thriller (7)

Arquivo do blog

Google+ Followers

Seja parceiro

Descubra como!
 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates