3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Outras Cleópatras do cinema

Elizabeth Taylor levou a fama, mas interpretar Cleópatra já foi privilégio de várias outras atrizes. Confira abaixo a lista de quem já encarnou a poderosa Rainha do Nilo na telona.

Jeanne d'Alcy






















A francesa Charlotte Lucie Marie Adèle Stéphanie Adrienne Faës, ou simplesmente Jeanne d'Alcy, que foi casada com o pioneiro diretor George Méliès (de Viagem à Lua), interpretou a primeira Cleópatra do cinema. O curta-metragem de 1899 havia se perdido e foi encontrado apenas em 2005. Infelizmente, não achei imagens da obra para publicar aqui...

Theda Bara





















Em 1917, foi a vez da americana Theda Bara, considerada a primeira sex symbol do cinema mudo, interpretar a famosa personagem. Sex symbol, gente! Cada um com seu gosto, né?

Claudette Colbert
  





















Na versão de Cecil B. DeMille, lançada em 1934, coube a outra francesa, Claudette Colbert, assumir o trono egípcio, já num filme falado. 

Vivien Leigh






















Eterna Scarlett O'Hara, a inglesa Vivien Leigh também marca presença na lista graças ao filme César e Cleópatra, de 1945. Ela encarnou a personagem ainda no teatro, seis anos mais tarde, ao lado do marido, Laurence Olivier.

Leonor Varela























Quem disse que as latinas não têm vez? A chilena Leonor Varela abocanhou o papel no telefilme de 1999, que traz Billy Zane como Marco Antônio e Timothy Dalton como Júlio César.

Alessandra Negrini

















A paulistana Alessandra Negrini é a representante nacional da lista. A atriz interpreta Cleópatra no filme homônimo de 2007, dirigido por Júlio Bressane, trabalho que lhe rendeu vários prêmios.

Angelina Jolie






















A sra. Pitt será a próxima musa a encarnar a Rainha do Nilo no cinema. Com direção de Peter Greengrass, a produção é baseada na biografia Cleópatra: uma vida, de Stacy Schiff, e será filmada em 3D. Júlio César e Marco Antônio que se cuidem...

2 comentários:

Márcia M@rimite disse...

Theda Bara foi sim um sex simbol, somente leve em consideração a epoca, uma das primeiras Vamps, uma mulher naquela epoca que teve coragem de usar roupas semi-transparentes, e deixar de ser a donsela que grita de mentira.
Bjus.

Giselle de Almeida disse...

Verdade, Márcia. Tudo no seu contexto. Mas hoje o conceito de sex symbol é bem diferente, né? Vide a escolha de Angelina Jolie para uma versão mais moderna do papel.

Obrigada pela visita!