3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Mês Gene Kelly: os concorrentes

Todo mês pedimos que você, caro leitor, escolha um de nossos filmes, e o mês Gene Kelly não é exceção. Se ainda não sabe em quem votar a gente dá uma ajudinha e apresenta os longas para você!

Depois não se esqueça de votar, na enquete aí do lado (isso no topo da barra lateral, achou? Vote!)

 A senhora e seus maridos
(What a way to go!, 1964)

Tudo o que Louisa May Foster (Shirley MacLaine) deseja é um homem para amar... que fique vivo! Mas, por mais que tente, ela só encontra maridos que enriquecem e morrem logo depois. Indicado em duas categorias do Oscar em 1964 (Direção de Arte Colorida e Figurino - Em Cores).



Sinfonia de Paris
(An american in Paris, 1951)

Jerry Mulligan (Gene Kelly) é um pintor norte-americano que tenta a sorte grande na charmosa e imortal Paris. Jerry tem seu talento "descoberto" por uma rica mulher, que tem muito mais interesses em Jerry do que apenas em seus quadros. Ao mesmo tempo, ele se apaixona por Lise (Leslie Caron), uma jovem comprometida francesa. Vencedor de seis Oscar: Melhor Filme, Direção de Arte, Fotografia, Roteiro Original, Trilha Sonora e Figurino.


Os Três Mosqueteiros
(The Three Musketeers, 1948) 

D'Artagnan, um jovem provinciano, chega a Paris com o intuito de se tornar um mosqueteiro. Ele encontrará muitos obstáculos, ação, amor, ódio, o rei e a rainha. E ainda Richelieu e sua impetuosidade, que deixará D'Artagnan envolvido em tramas políticas. Mas, contra tudo e todos, ele se junta a Athos, Porthos e Aramis. D'Artagnan terá, além do mais, que se desdobrar para manter seguro o seu amor pela encantadora Constance Bonacieux sem indispor a apaixonada Milady De Winter, uma agente secreta do Cardeal.

0 comentários: