3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

terça-feira, 23 de julho de 2013

Curiosidades de Anônimo

As filmagens ocorreram entre 22 de março e 18 de junho de 2010.

É o primeiro filme de grande orçamento a ser rodado usando a câmera digital Arri Alexa de alta definição.
Produção

 John Orloff escreveu o roteiro de Anônimo em 1998, mas o filme jamais tinha saído do papel devido ao lançamento de Shakespeare Apaixonado (1998).O projeto apenas voltou à tona em 2005, quando o diretor Roland Emmerich o leu e gostou da ideia.
Roland Emmerich no set do teatro
O diretor Roland Emmerich bancou do próprio bolso o orçamento de Anônimo. A opção foi para ter total controle sobre o filme, sem interferência dos estúdios.
Vanessa Redgrave e Joely Richardson interpretam a rainha Elizabeth I em diferentes fases de sua vida. Na vida real elas são mãe e filha.

O dramaturgo Christopher Marlowe, que aparece como personagem em Anônimo, já tinha falecido no período retratado pelo filme.

Ao ser questionado sobre as incoerências históricas de Anônimo, o roteirista John Orloff disse que elas foram incluídas deliberadamente, como homenagem à liberdade que o próprio William Shakespeare tomou para si ao escrever suas peças teatrais.

Os teatros Rose e Globe Theater ficavam em um único set, com um sendo modificado de forma a se transformar no outro. Para diferenciá-los o cenografia Sebastian Krawinkel deu ao Rose um toque mais rústico, com madeira e cores mais escuras. O motivo é que, na época em que a história de Anônimo se passa, o Rose já tinha 20 anos.

A construção do teatro levou aproximadamente 12 semanas.

0 comentários: