Home » , , , , » Homem-Formiga e A Vespa

Homem-Formiga e A Vespa

Homem-Formiga e A Vespa (Ant-Man and The Wasp, 2018) estreia nessa quinta - às vésperas das semifinais da Copa -  e promete ser um ótimo alívio para a tensão da torcida. Localizado no tempo poucos dias antes dos acontecimentos de Vingadores: Guerra Infinita - parte 1 (lançado também este ano), é aparentemente desconectado da saga - eu disse aparentemente. Na verdade, ele explica porquê o herói não apareceu na briga contra o supervilão Thanos (Josh Brolin). E, bem, ele teve seus motivos.

Cassie (Fortson) é o motivo porque Scott (Rudd) quer se livrar logo do passado criminoso
Scott Lang (Paul Rudd) está em vias de terminar sua sentença de 2 anos de prisão domiciliar após ter atendido ao chamado de Sam Wilson (Anthony Mackie) para ajudar Steve Rogers (Chris Evans), como é mostrado em Capitão América - Guerra Civil (2016). Como não pode pôr os pés fora de casa (literalmente), ele precisa aproveitar o tempo de forma produtiva. Assim, além de criar várias brincadeiras divertidas para sua filha Cassie (Abby Ryder Forston), ele e seus ex-comparsas estão criando uma firma de segurança - é, você não leu errado. Mas, apesar da boa vontade de Scott em não se meter em encrencas para se ver livre da condicional, os problemas acabam o encontrando. Sempre.

O agente Woo (Park) é um dos melhores novos personagens do longa
Após uma estranha visão do mundo quântico, ele decide quebrar o gelo e ligar para o Dr. Pym (Michael Douglas). Apesar da mensagem curta e sem sentido, logo Hope (Evangeline Lilly) vai buscá-lo: o pesadelo de Scott com um experimento que ela e o pai conduziam podia ser mais do que apenas uma estranha coincidência. Agora, mesmo que as relações entre os três estivessem bastante estremecidas e que tivessem objetivos diferentes, eles precisarão trabalhar em conjunto antes que o oficial Woo (Richard Park, hilário) descobrisse que Scott tinha violado a condicional. Obviamente, esse seria o menor dos problemas, já que um estranho vilão com poderes de invisibilidade e de atravessar paredes estava no encalço do trio.
A vilã Fantasma (John-Kamen) tem pouco destaque: indícios de nova aparição
Apostando no humor e no carisma dos atores e personagens (fatores que fizeram o surpreendente sucesso do primeiro longa do super-herói), o roteiro dá a sensação de se apoiar nesse trunfo para se demorar em explicar o que aconteceu com o Homem-Formiga - e porquê ele não foi ajudar os Vingadores - mais do que em desenvolver o ressurgimento da Vespa.  Nesse sentido, o filme de Peyton Reed soa quase burocrático e se revela bem mais fraco que o primeiro. Os novos vilões, Fantasma (Hannah John-Kamen) e Sonny Burch (Walton Goggins), não tiveram o destaque que mereciam, mas fica o indício de que eles devem aparecer novamente mais à frente. Nada disso, porém, compromete a diversão e o entendimento de que este é um momento chave para a trama maior, embora possa parecer para os fãs mais "caxias" que este longa é meio lento e deslocado.

Ótima utilização dos poderes de heróis e vilões garantem boas (mesmo que poucas) cenas de luta
A boa notícia é que, no final, o resultado é positivo. Há boas cenas de luta para os que curtem mais adrenalina, efeitos especiais de  primeira qualidade (tanto nos poderes dos super-heróis e vilões, quanto no rejuvenescimento de Douglas e Michelle Pfeiffer - que faz uma participação como a mãe de Hope, Janet) e a impagável participação do trio Luís (Michael Peña), Dave (Tip "T.I." Harris) e Kurt (David Dastmalchian). As pistas para a Parte 2 de Guerra Infinita são pequenas, porém importantes - então vale a pena conferir o filme até as cenas pós-créditos (um adendo: a primeira cena é bem melhor - e mais relevante - que a segunda). Boa pipoca!

0 comentários:

Meses temáticos!

Confira nosso catálogo de críticas e curiosidades completo, distribuído em listas e meses temáticos.

Lista de 2015 Lista de 2010
Meses temáticos
2014 2013 2012 2011
Trilogia Millenium Ficção-cientifica Pioneiros De Volta para o Futuro
Meryl Streep e o Oscar Broadway Brasileiros no Oscar Liz Taylor
Fantasias dos anos 80 Realeza Tarantino Filmes de "mulherzinha"
Pé na estrada Scorcese Chaplin Stephen King
Mês Mutante Off-Disney Filmes de guerra Noivas
Mês do Futebol Mês do Terror Agatha Christie Genny Kelly
Mês Depp+Burton Shakespeare HQs Harry Potter
Cinebiografias Pequenos Notáveis Divas Almodovar
Robin Williams Mês do Rock Woody Allen Remakes
Mês das Bruxas Alfred Hitchcock Rei Arthur Vampiros
Humor Britânico John Wayne John Hughes Elvis
Mês O Hobbit Contos de Fadas Apocalipse O Senhor dos Anéis

Especial do momento

Mulan

As definições do projeto para formar cinéfilas melhores foram atualizadas

Agora nos dedicamos a um filme por mês, sem deixar de lado as críticas dos lançamentos no cinema. Venha com a gente descobrir curiosidades dos nossos especiais e se atualizar das estreias nas telonas!

Receba por e-mail

Gêneros

Resenhas (773) Drama (235) Lançamentos (138) Ficção científica (109) Aventura (103) Comédia (76) Musical (52) Ação (47) Terror (47) Fantasia (37) Animação (29) Comédia romântica (25) Épico (24) Faroeste (22) Biografia (21) Thriller (7)

Arquivo do blog

Google+ Followers

Seja parceiro

Descubra como!
 
Copyright ©
Created By Sora Templates | Distributed By Gooyaabi Templates