3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

terça-feira, 23 de março de 2010

Travestidos

Duas mocinhas elegantes!
Tony Curtis e Jack Lemmon foram extremamente bem sucedidos ao dar vida a suas versões femininas. Josefine e Daphne são com certeza as mais elegantes, estilosas e divertidas senhoritas da sétima arte, mas não são as únicas.

Se esconder, fazer algo proibido em condições normais, se aproximar de alguém. Os motivos para se travestir podem ser os mais variados, e a mudança na maioria das vezes é uma péssima idéia. Mesmo assim, algumas personagens não pensam duas vezes antes de "mudar de time" para alcançar seus objetivos. Eis algumas delas:

Vítor ou Vitória? (Victor/Victoria, 1982)

Paris, 1934. Victoria Grant (Julie Andrews) é uma cantora lírica desempregada que conhece Carroll Todd (Robert Preston), um cantor homossexual que tinha sido recentemente demitido. Juntos eles articulam um plano, no qual ela se faz passar por um homem, Conde Victor Grezhinski, que é um transformista. Mas surge um problema quando ela se apaixona por King Marchand (James Garner), um gângster: se ela se declarar, terá que assumir ser uma farsa.

Tootsie (Tootsie, 1982)

Desesperado em busca de emprego, um ator (Dustin Hoffman) resolve se vestir de mulher para disputar um papel feminino em uma telenovela. O que ele não esperava era obter tanto sucesso com seu papel. Agora manter a farsa será cada dia mais complicado.


Uma Babá Quase Perfeita (Mrs. Doubtfire, EUA, 1993)

Ao ser proibido pela ex-esposa de passar o tempo que deseja com seus filhos, um pai amoroso (Robin Willians) transforma-se em uma simpática senhora para cuidar das crianças. O clássico da "Sessão da tarde" impressiona pela minuciosa maquiagem que transforma Robin Willians em uma doce velinha.




Vovó... Zona (Big Momma's House, 2000)
Vovó... Zona 2 (Big Momma's House 2, 2006)

Agente especial (Martin Laurence) arma tocaia para prender um fugitivo da prisão. Para não levantar suspeitas, seu disfarce obedece à descrição física da proprietária da casa em que se instalou, uma senhora muito gorda. Mas cuja neta, linda, atrai todas as atenções do policial. Na segunda parte Martin Lawrence volta ao personagem do agente do FBI Malcolm Turner, que tem uma nova missão e novamente se disfarça na velha e gorducha vovó. Dessa vez ele se disfarça de babá para poder se infiltrar na família do suspeito que está sob sua investigação.

Todos os Homens da Rainha (All the Queen's Men, 2001)

Durante a Segunda Guerra Mundial, as tropas alemãs se comunicavam usando um código gerado por um dispositivo chamado Enigma. Por diversas vezes as forças aliadas tentaram, sem sucesso roubar o Enigma para interceptar e decifrar este código secreto. Os Britânicos resolvem então, enviar um grupo de elite das forças especiais à Alemanha para que se infiltrem na fábrica onde o Enigma é produzido, e assim possam roubá-lo. O grande problema é que na fábrica só trabalham mulheres, e por isso além de todos os perigos que uma missão como essa representa, o grupo terá que aprender a se vestir, agir e falar como mulher, única maneira de obter sucesso e enganar os nazistas. Com Matt 'Joey Tribbiani' LeBlanc.

Curvas Perigosas (Sorority Boys, 2002)

Acostumado com a careca de Michael "Lex Luthor" Rosenbaum em Smallville? Então vai se suprender com sua versão feminina e cabeluda, neste longa, em que três garotos (Rosenbaum, Barry Watson e Harland Williams) são expulsos de um alojamento masculino da universidade, perdendo seus quartos, suas refeições e outras regalias. Desesperados, eles dormem no alojamento feminino enquanto pensam num jeito de voltar para os quartos dos meninos. Para não serem descobertos, os três se transformam em garotas com maquiagem, salto alto e outros aparatos femininos. Caso esteja curioso, o Lex é a loira de top verde.

As Branquelas (White Chicks, 2004)

Nesta pérola do cinema besteirol produzido pelos Irmãos Wayans, dois policiais negros (Marlon e Shawn Wayans) decidem se disfarçar de duas moças brancas, afim de investigar uma denúncia de seqüestro e, assim, tentar salvar seus empregos.


Ela é o Cara (She's the Man, 2006)

Inspirado no romance de William Shakespeare, Noite de Reis. Quando a adolescente Viola (Amanda Bynes) descobre que o time feminino de futebol é cortado de sua escola, ela resolve se disfarçar de seu irmão gêmeo para jogar no time masculino da escola dele. Só que ela acaba se apaixonando pelo colega de quarto do irmão, Duke (Channing Tatum), ao mesmo tempo em que começa a ser assediada por Olivia (Laura Ramsey), a garota por quem Duke é apaixonado. As coisas ficam mais complicadas ainda quando o verdadeiro irmão gêmeo de Viola, Sebastian (James Kirk), aparece.

E aí? Lembrou de algum? Conte para nós! Deixe um comentário ou nos envie um e-mail.

0 comentários: