3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

sábado, 25 de dezembro de 2010

O Legado de HAL

O grande vilão de 2001: Uma Odisséia no Espaço é HAL 9000, Heuristically programmed ALgorithmic computer, em tradução livre Computador Algorítmico Heurísticamente Programado. Uma inteligência artificial avançada, instalada a bordo da nave Discovery capaz de falar naturalmente, realizar reconhecimento facial e vocálico, fazer leitura labial, apreciar manifestações artísticas, interpretar emoções, raciocinar, expressar emoções e jogar xadrez.

Cheio de vontade própria, HAL toma o controle da nave, e não mede esforços para garantir sua sobrevivência. Desde então várias máquinas semelhantes surgiram, assim como HAL, alguns resolveram ignorar as leis da robótica* e se amotinar contra os humanos. Pensando bem, computadores e robôs não são exatamente a mesma coisa, vai ver resolveram que as leis não se aplicavam a eles, mas isso é outra história....

A Super Maquina
K.I.T.T, era um dos bonzinhos, a principal arma do mocinho contra o crime. O Carrão teve duas encarnações na TV, 4 temporadas de 1982 a 1986, e em 2008 um "remake" de apenas uma temporada. Originalmente um Pontiac Firebird Trans-Am computadorizado e com uma liga molecular que o torna indestrutível, a prova de fogo e balas, além de dotado do computador K.I.T.T. (Knight Industries Two Thousand ou Indústrias Knight 2000 em português), que comanda todas as funções do carro, e que ainda fala. Na versão do século XXI, K.I.T.T. se tornou um Ford Mustang Shelby GT500 KR.


Auto Pilot (WALL-E)
O co-piloto foi criado para facilitar a vida do piloto da Axion, nave para onde a humanidade fugiu até que a Terra fosse habitável novamente, após termos poluido tudo. Mas a exemplo de HALL, ela decidiu que os homens não eram capazes de cuidar de si mesmos, e que estariam mais seguros na Axion. Então o robô em forma de leme de navio ocultou a "cura" da terra por décadas, até WALL-E e EVA revelarem toda a verdade. Referência clara a 2001, Auto faz uma bela homenagem ao clássico da ficção ciêntífica, neste longa de 2008 que também é uma obra prima.

Frank (Tempos Modernos - novela)
Quem disse que a dramaturgia nacional não tem ficção científica? Frank era o cérebro por traz do mais moderno prédio brasuca, o Titã. Outra referência clara ao longa de Kubrick, apesar de trazer inovação para as novelas nacionais, a trama de Bosco Brasil não agradou. A novela exibida em 2010 teve a menor audiência no horário das sete em anos. E Frank era considerado um fofoqueiro pelos outros personagens. Até blog ele tinha, assitam sua auto-apresentação postada em seu blog.


Lembrou de mais alguma inteligência avançada das telas? Comente!

*As Três Leis da Robótica são leis elaboradas pelo escritor Isaac Asimov em seu livro de ficção I, Robot (Eu, Robô) para regularmentar o comportamento dos robôs e evitar que coloquem os humanos em perigo.
1ª lei: Um robô não pode ferir um ser humano ou, por omissão, permitir que um ser humano sofra algum mal.
2ª lei: Um robô deve obedecer as ordens que lhe sejam dadas por seres humanos, exceto nos casos em que tais ordens contrariem a Primeira Lei.
3ª lei: Um robô deve proteger sua própria existência desde que tal proteção não entre em conflito com a Primeira e Segunda Leis.

0 comentários: