3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Curiosidades e prêmios de De volta para o futuro - parte II

As partes II e III da trilogia foram filmadas simultaneamente e lançadas com seis meses de diferença. Uma decisão rara e arriscada para a época, se o segundo fracassasse nas bilheterias condenaria o terceiro que não teria chances de "se pagar". Hoje em dia a desição é comum e ajuda a baixar os custos de produções grandes como O Senhor dos Anéis, Piratas do Caribe e Harry Potter.

Quando foi decidido fazer uma sequencia de De volta para o futuro, a exigência de Bob Zemeckis e Bob Gale, co-roteiristas e também diretor e produtor respectivamente, foi que Christopher Lloyd e Michael J. Fox retornassem à seus papéis. Os atores aceitaram assim que souberam que Zemecks e Gale estavam envolvidos. O mesmo se reptiu com Lea Tompson (Lorraine McFly) e Tomas F. Willson (Biff Tanen).

Com Crispin Glover (George McFly), o caso foi diferente. O ator fez muitas exigências para retornar, uma delas incluia um salário ainda maior que o de Michael J. Fox. Sem entrarem em um acordo, a solução foi excluir o personagem do roteiro resultando no 1985 alternativo onde George está morto. As poucas cenas onde o personagem aparece usaram imagens gravadas para o primeiro longa  ou um sósia estratégicamente disfarçado.

Em cima Claudia Wells, embaixo Elisaberh Shue
Claudia Wells que interpretou Jeniffer no original também não pode retornar. Ela parou de atuar pois sua mãe fora diagnosticada com cancer. Elisabeth Shue em início de carreira, foi contratada para substituí-la.

De volta para o futuro II começa com a reprise da ultima sequência do filme original. A cena precisou ser refilmada com Elisabeth Shue substituindo Claudia Wells.

O velho que em 2015 deseja voltar no tempo para apostar nos Cubbies é interpretado por Charles Fleisscher, a voz de Roger Rabbit. O atoe também interpretou sua versão de 1955 um motorista de caminhão. Bob Zemeckis também dirigiu Uma Cilada para Roger Rabbit.

A cena onde os irmãos de Marty apareceriam foi cortada pois Wendie Jo Sperber, que interpretava  sua irmã, Linda, estáva grávida na época.

Video-game que usa as mãos? E onde eu carrego o anel?
O longa traz a  primeira aparição no cinema de Elijah Wood. O "Frodo" interpreta um dos garotos que esnobam um video-game no 80's Café, em 2015.

Na época da produção do primeiro De volta para o futuro, Bob Zemeckis nem pensava na possibilidade de uma sequência. Segundo ele se fosse o caso não teria colocado a Jenifer, a namorada de Marty, no DeLorean ao final do filme. Ela atrapalhava a dinâmica da continuação, sem ela poderiam colocar Marty e o Dr. em qualquer aventura. A solução foi descartar a moça assim que possível.

Já a conversão do carro para um carro voador, uma brincadeira ao fim do original, foi muito bem vinda para a sequência.

Michael J. Fox trabalhou como nunca neste longa. Além de dar vida a Marty McFly de 1985, 1955 e 2015, ele também interpretou seu filho Marty McFly Jr. e sua filha Marlene McFly. Confira o trailer com Michael J. Fox, Chrisopher Lloyd, Michael J. Fox e Michael J. Fox.

Michael J. Fox aos 22, aos 47 no longa e aos 49 de verdade, é erraram a previsão!

A ILM (Industrial Light and Magic) criou um sistema de câmeras especial para o longa. Um carrinho robótico controlado tornou possível que um ator contracenasse com ele mesmo em uma única cena. 

No jantar em 2015 onde Michael J. Fox interpreta 3 personagens, os objetos de cena eram colados na mesa, para não haver erros de posicionamento, uma vez que a maquiagem demorada fazia com que horas separassem as tomadas de cada personagem. Em uma noite entre essas gravações houve um pequeno terremoto, que poderia arruinar todo o trabalho. Felizmente pouca coisa se moveu e nenhuma cena precisou ser refeita.
Levanta a mão quem não é Michael J. fox!
Vários programas de TV dos anos 1980 são exibidos no 80's Café, em 2015, incluindo Caras e Caretas e Taxi, programas em que Michael J. Fox e Christopher Lloyd estrelavam respectivamente.

As nuvens usadas naabertura do longa foram usadas inicialmente no filme Firefox com Clint Eastwood.

No bairro de Marty em 2015 é possivel ver um dos robês de O Milagre veio do espaço (1987) levando um cachorro para passear.

Tubarão de Max Spilberg em 3D!
Um cinema do futuro anuncia o lançamento de Tubarão 19, dirigido por Max Spielberg. Steven Spielberg, um dos produtores executivos do filme, realmente tem um filho chamado Max.

A gargula do relógio que Dr. Brown quebrou em 1955 continua quebrada em 2015.

Marty McFly Jr. é mesmo muito parecido com seu pai. Entretando os mais observadores podem notar uma diferença: Jr. e sua irmã Marlene não herdaram os olhos azuis de Marty.

Em um certo ponto do filme 4 DeLoreans podem ser encontrados em 1955. O que o velho Biff rouba para dar o almanaque a si mesmo mais jovem, o que D. Brown e Marty usam para roubar o almanaque do jovem Biff, o que deve levar Marty de volta a 1985 e o que foi enterrado na mina pelo Dr. em 1885. É o não é de confundir a cabeça?

Neste longa Dr. Brown de 1985 conversa com sua versão de 1955. No primeiro De volta para o futuro é possivel ver um homem com roupas semelhantes as do Dr. de 1985 se afastando. Pura coincidência já que o roteiro da sequencia só foi escrito anos mais tarde.

A versão alternativa de Biff foi inspirada em Donald Trump enquanto Lorraine fazia referência a Tammy Faye Bakker.
Hover Board, o meu tá encomendado!

Em um documentário especial na época do lançamento o diretro, Bob Zemeckis explicou que os Hover Boards, os skates flutuantes, funcionam com força magnética. E também que eles existem a anos, mas os gupos de patentes impedem que as lojas de brinquedos os fabriquem. A brincadeira era óbvia, mesmo assim a Mattel, cujo logo aparece na prancha que Marty usa recebeu centenas de ligações perguntando quando os skates seriam produzidos.

Prêmios

Oscar (1990)
Indicado na categoria de melhores efeitos visuais.

Prêmio Saturno  (Academy of Science Fiction, Fantasy & Horror Films, EUA, 1991)

  • Venceu na categoria de melhores efeitos especiais.

Indicado nas categorias de melhor figurino, melhor maquiagem e melhor filme de ficção científica.

BAFTA  (Reino Unido 1990)

  • Venceu na categoria de melhores efeitos especiais.

0 comentários: