3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

terça-feira, 8 de junho de 2010

Curiosidades de Branca de Neve

Walt Disney e os anões: de tolo não tinha nada!
Branca de Neve e os Sete Anões foi o primeiro longa-metragem animado produzido. Antes dele as animações tinham cerca de 10 minutos, e costumavam ser apresentadas em seções duplas junto com um filme live-action (com atores reais).

"A tolice de Disney", era assim que muitos se referiam ao filme durante sua produção. Na época não acreditava-se ser possível produzir um longa animado. Além do custo, da enorme equipe e da quantidade de trabalho que exigiria, muitos alegavam que as cores vibrantes do desenho poderiam irritar os olhos e causar dores de cabeça se assistidos por tanto tempo. Outra alegação é que o formato não comportaria cenas mais dramáticas e depois de 20 minutos todas as piadas animadas possíveis já teriam sido feitas.

O orçamento inicial de Branca de Neve era de 150 mil dólares, mas o filme acabou custando 1,5 milhão de dólares, um valor astronômico para a época.

Criou o estilo de animação da Disney no qual os protagonistas tem feições realistas, como a própria princesa, enquanto personagens cômicos como os anões apresentam feições caricatas.

A história é mais curta que o conto registrado pelos irmãos Grimm. Desde então, alterações e adaptações são feitas em vários dos longas disney baseados em histórias já existentes. Tornando-os mais comercializáveis.

Algumas cenas como o desfecho da madastra má, são consideradas por muitos bastante assustadoras para os pequenos. Por isso, cenas semelhantes são raras nas produções atuais do estúdio. Uma pena!

A produção durou 3 anos. Foram utilizados 32 animadores, 102 assistentes, 107 continuistas, 20 artistas de layout, 25 artistas de cenários, 65 animadores de efeitos especiais e 158 coloristas. O filme é composto por 250.000 desenhos

Foi o primeiro filme a ter a trilha sonora comercializada.80 músicos compunham a orquestra que a gravou.
Os movimentos da Branca de Neve foram feitos tendo como base os movimentos da dançarina Marge Champion.

Embora não fale Dunga teve sim um dublador. Eddie Collins, foi o responsável por suspiros, soluços e qualquer outro som que o caçula dos anões produzisse.

Cerca de 50 nomes foram inicialmente propostos para os anões do filme. Além dos nomes definitivos, alguns dos propostos foram: Biggy, Blabby, Dirty, Gabby, Gaspy, Gloomy, Hoppy, Hotsy, Jaunty, Jumpy, Nifty e Shifty. Inicialmente o nome de Atchim (no original, Sneezy) seria Jumpy. Apenas de última hora é que foi feita a substituição pelo nome definitivo.

Já o príncipe é chamado apenas de Príncipe. Será que gastaram todos os nomes com os anões?

Entre as cenas que ficaram de fora durante a produção. Há uma onde os anões comem a sopa feita pela princesa, e outra onde controem uma cama para ela.

Branca de Neve também foi a primeira princesa Disney. Atualmente a franquia composta por várias donzelas de diferentes etnias, a franquia Princesas é uma das mais rentáveis dos estúdios do camundongo. Ela também é a mais jovem tem cerca de 13 anos de idade!

Depois do sucesso de Branca de Neve e os Sete Anões em 1937, os outros estúdios correram para produzir filmes "família". O Mágico de Oz , já resenhado aqui no DVD, Sofá e Pipoca, foi a resposta da MGM.

O longa foi relançado nos cinemas várias vezes em 80 anos de existência. Diversos trailes de décadas diferentes, podem ser encontrados em sites de video como o YouTube.

Foi relançado em DVD, e pela primeira vez em Blue Ray em 2009. A edição especial também comemorava o 80° aniversário da princesa.

Prêmios

Foi indicado ao prêmio Oscar de melhor trilha sonora.

Ganhou o Grand Biennale Art Trophy, no Festival de Veneza

Disney e Temple
Em 1939 Walt Disney recebeu um Oscar honorário pela inovação na indústria cinematográfica. O prêmio que era composto por uma estatueta de tamanho real e sete miniaturas (representando os personagens que dão nome ao filme) e foi entregue pela atriz mirim Shirley Temple.

0 comentários: