3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Um pouco mais do ator: Arnold Schwarzenegger

Você pode até se perguntar se um ator mediano deveria receber um post especial aqui no Dvd, Sofá e Pipoca - já que, nesse espaço, a gente vinha dando espaço para falar de outros atores e diretores mais, digamos, renomados. E, convenhamos, Schwarzenegger não é um ator lá muito brilhante. Mas é inegável que sua carreira seja um sucesso e que ele seja uma figura muito popular em todo o mundo. Para quem não sabe, ele começou a carreira como fisiculturista e, por causa de seu físico, foi convidado a atuar em filmes de ação. Anos depois, torna-se empresário e político, atualmente servindo como o 38º governador do estado da Califórnia. E, embora o papel de 'exterminador' não tenha sido o primeiro, foi graças a ele que o ator austro-americano se firmou como um dos grandes nomes do cinema de ação - ao lado de estrelas como Sylvester Stallone e Bruce Willis.


Schwarzenegger iniciou seu treinamento físico aos quinze anos de idade. Foi premiado com o título de Mister Universo aos 22 e venceu o concurso Mr. Olympia um total de sete vezes. Permaneceu uma personalidade proeminente no fisiculturismo, mesmo após sua aposentadoria, e escreveu vários livros e inúmeros artigos sobre o esporte.


Ganhou fama internacional, tornando-se um ícone de filmes de ação de Hollywood, notável pelos papéis principais em filmes como Conan, o Bárbaro (Conan - The Barbarian, 1982) e O Exterminador do Futuro (Terminator, 1984). Mas nem só de muitos músculos e poucas falas se resume a carreira hollywoodiana de Schwarzenegger: ele já participou de comédias como Irmãos gêmeos (Twins, 1988), em que ele descobria ser irmão gêmeo de Danny De Vitto (!), Um tira no jardim de infância (Kindergarten Cop, 1990); Júnior (Junior, 1994), em que aparece grávido (!!); além de já ter encarnado Mr. Freeze, um dos vilões do Batman de George Clooney em Batman & Robin (Batman & Robin, 1997).


Apesar de seus respeitáveis mais de 60 anos, o ator sempre manteve a boa forma e isso lhe rendeu aguns apelidos. Foi chamado de "Carvalho Austríaco" e "Carvalho Estírio" em seus dias de fisiculturista, e de "Arnold Strong" e "Arnie" durante sua carreira cinematográfica. Mais recentemente, por causa de seu caro político, foi chamado de "Governator" - uma mistura de Governor (governador, em português) e Terminator (exterminador, em português), uma referência clara ao seu papel mais famoso. Filiado ao Partido Republicano, foi eleito pela primeira vez em 2003, para um curto mandato e reeleito em 2006 para servir um mandato completo como governador. Em maio de 2004 e 2007, foi nomeado como uma das 100 pessoas que ajudaram a moldar o mundo, pela revista Time. Perdoem o trocadilho, mas ele não é fraco não.


Ainda assim, não consigo desassociá-lo do terminator. Olha que eu já vi filme dele salvando o mundo, destruindo o mundo, céus! até "grávido" eu já o vi. Definitivamente, pelo menos para mim, Schwarzenegger sempre vai ser a máquina que veio do futuro programada para matar, mas que aprendeu a conviver com humanos. Hum... Será que se eu vir Conan, o bárbaro eu mudo a referência? Acho difícil...

0 comentários: