3 blogueiras + 1 desafio = aprimorar a cinefilia.
DVD, sofá e pipoca,
formando cinéfilas melhores!

sábado, 31 de março de 2012

Ser enterrada viva e escapar sozinha, é possível?

SPOILERS - Se você ainda não assistiu a Kill Bill - vol. 2, e não quer perder as surpresas melhor encerrar a leitura por aqui. Mas se já viu, ou não se importa...

Um dos maiores feitos de Beatrix Kiddo nesta sequencia é, sem dúvida, sobreviver a um caixão sob sete palmos de terra. Proeza que a moça alcança graças as sua habilidade com as artes marciais, e a capacidade de nadar em um "mar de terra". Após ser enterrada viva a Noiva usa uma técnica de socos a curta distância para arrebentar a tampa do caixão e cavar sua saída rumo a vingança.

Contudo, será que tal proeza é possível? É isso que os Caçadores de Mitos testaram em um de seus episódios. Tory, Cary e Grant verificaram se uma pessoa é capaz, não apenas, de quebrar a tampa do caixão aos socos, mas também a sobreviver a toda terra depositada sobre ele.

Já que o grupo fez sucesso aqui no blog ao desvendar os Mitos de Tubarão, é claro que garantiram seu espaço no mês Tarantino. Infelizmente o episódio não está disponível on-line em português, então acompanhem em inglês ou procurem uma das reprises do Discovery Channel. Façam suas apóstas, mito possível, plausível ou detonado???


2 comentários:

Rodrigo Mendes disse...

Os vídeos estão demorando para carregar aqui... mais tarde eu assisto.

Poxa meninas, muito legal este mês Tarantino. Adoro KILL BILL, sobretudo o Volume dois!

E respondendo a pergunta: Tarantino provou que (no cinema) tudo é possível, inclusive colocar um bando de nazistas em um cinema e explodir! rs

Bjs.

Fabiane Bastos disse...

Pena que a vida real não é tão fantástica, err... exceto pelo número de mortes, claro.

Pensando bem, na quantidade de palavrões tá quase igual!

Valeu pela visita!